Com investimento em Inteligência Artificial, cooperativa de Londrina melhora produtividade e eficiência de suas entregas

CASES
Com apoio do programa de Residência em IA, oferecido pelo HUB de IA do Senai no Paraná, Integrada Cooperativa Agroindustrial aposta na tecnologia para tornar-se mais competitiva
Imagem sobre Com investimento em Inteligência Artificial, cooperativa de Londrina melhora produtividade e eficiência de suas entregas

Mesmo que a Inteligência Artificial (IA) ainda seja novidade para muitas pessoas, empresas de diversos segmentos já estão apostando nessa tecnologia para ganhar eficiência e produtividade. É o caso da Integrada Cooperativa Agroindustrial, de Londrina, que decidiu investir ainda mais em inovação no ano passado e já está colhendo os frutos desse trabalho, realizado em parceria com o HUB de Inteligência Artificial do Senai no Paraná, por meio do programa de Residência em IA oferecido pela unidade. “Desde outubro do ano passado nossos residentes estão trabalhando em soluções para gargalos identificados na cadeia de produção da Integrada e já foram feitas duas entregas (sprints), que dão subsídios para tomada de decisão em diversas áreas dentro da cooperativa”, explica o consultor de Inovação do Senai, Mário Rafael Calzavara.

Ele conta que a empresa chegou bem aberta para explorar a IA e agora está tendo resultados concretos, após poucos meses de trabalho. “Ainda temos mais duas entregas, em junho e setembro, mas já é possível observar que o projeto terá continuidade dentro da cooperativa e é justamente esse o nosso principal objetivo, fomentar que empresas de diferentes segmentos passem a utilizar cada vez mais a IA em seu dia a dia”, completa.

O primeiro ponto crítico trabalhado nas duas entregas já realizadas foi a evasão de cooperados - identificar quando estão se distanciando, antecipando esse processo, evitando que ocorra. Já a terceira e a quarta sprint vão apresentar, respectivamente, soluções para outras dificuldades identificadas pela Integrada, que são controle de fraudes e análise de áreas agricultáveis com fotos de satélites. “Existe tecnologia de IA pronta no mercado para atender a essas demandas? Existe, mas sempre podem ser utilizados algoritmos diferentes, que tragam mais eficiência na produção. Por isso, a gente optou por obter essa tecnologia por meio da parceria com o Senai. Entendemos que esse relacionamento é ainda mais positivo para a gente, por trazer a discussão em torno da IA para dentro da cooperativa, que era o nosso principal objetivo quando iniciamos essa parceria”, comenta André Galletti Junior, gerente de Planejamento e Desenvolvimento da Integrada.

André explica que a Integrada decidiu investir em IA para atender demandas “porteira para dentro” (ganhando maior produtividade e rentabilidade para os cooperados) e “porteira para fora” (oferecendo maior excelência operacional nas entregas feitas pela cooperativa. “Antes de entrar no programa, estudamos muito as linhas de IA e IoT (Internet das Coisas) e avaliamos que a vertente da IA seria fundamental para nossa operação. Então, quando surgiu essa oportunidade, vimos que se encaixava muito bem com a nossa estratégia. E os resultados superaram muito a nossa expectativa”, conta.

No início, André diz que a ideia era apenas trazer o conceito de IA para dentro da Integrada e aproximar as áreas de tecnologia e de atuação. “No entanto, os residentes começaram a trazer soluções prontas, funcionais, mercadológicas, para a gente testar. Sabemos que ainda precisam ser feitos alguns ajustes para colocar tudo isso em prática, mas a utilização da IA em nossa cooperativa agora já é uma realidade. Por meio dessa troca com a equipe do Hub, já começamos a trazer a expertise da IA para dentro da empresa”, comemora.

Fundada em Londrina, em 1995, por um grupo de agricultores confiantes no sistema cooperativista, a Integrada Cooperativa Agroindustrial atua nos segmentos de insumos agrícolas e comercialização de grãos, além das indústrias de derivados de milho e laranja e produção de rações para uma série de espécies animais. Ao todo, a Integrada está presente em 49 municípios, contando com 15 regionais, 64 unidades de recebimento, distribuídas em notórias áreas produtoras dos estados do Paraná e São Paulo, a Integrada se tornou uma das principais cooperativas do Brasil. A cooperativa conta com 1800 colaboradores e mais de 10 mil cooperados, com faturamento de R$ 3,2 bilhões em 2019.

 

Sobre o HUB de Inteligência Artificial Senai

Inaugurado em 2019 na cidade de Londrina, o HUB de Inteligência Artificial Senai tem atuação nacional com a missão de acelerar a adoção das novas tecnologias pelas empresas brasileiras. O HUB atua como um Centro de Provas de Conceito de Inteligência Artificial, ou uma “fábrica de POCs”, para que as empresas experimentem a aplicação de IA de forma acessível e ágil.

O HUB de Inteligência Artificial Senai faz parte de um ecossistema de inovação em crescimento, onde estão conectadas empresas de TI, startups, indústrias, instituições de pesquisa e de ensino, todos envolvidos na temática de IA.